Translate

domingo, 19 de julho de 2015

Conheça os novos mangás da Panini- Parte 2 [AT]

E lá vem mais Panini...

Por MIKA

A Panini apresentou mais uma leva de mangás que irá publicar neste domingo (19). Confiram os títulos:

Lovely Complex

Depois de trazer Aoharaido, a Panini anuncia mais um shoujo para seu catálogo. Trata-se de Lovely Complex, mangá de Nakahara Aya e que foi finalizado em 17 volumes no Japão. O título foi lançado em 2001 na revista Betsuma e ganhou um anime de 24 episódios em 2007 pelo estúdio Toei Animation que acabou se tornando um grande sucesso e uma espécie de referência quando o assunto é shoujo com temática de comédia romântica. A vinda do título também pode significar um retorno triunfante dos shoujos no Brasil.

Lovely Complex, que conta a história de Risa Koizumi, uma garota de 1,72 de altura (alta para os padrões japoneses), colega do “baixinho” Atsushi Otani, de 1,56 de altura. Os dois formam uma dupla cômica, sempre atraindo a atenção de todos por serem extremos opostos. Tudo começa com uma aposta: qual dos dois arranjaria uma namorada ou namorado primeiro? Graças a suas “diferenças” do padrão, essa não é uma tarefa fácil e a trama começa a se desenvolver justamente no ponto em que ambos percebem que a resposta para seus problemas estão alí, um do lado do outro. E assim começa uma divertida e diferente história de amor entre a “gigante” e o “anão”.


Arakawa Under the Bridge


Mais um anúncio durante a palestra da Panini no Anime Friends. Dessa vez, o título anunciado é  Arakawa Under The Bridge, o mangá de comédia criado por Hikaru Nakamura e publicado pela Young GanGan desde dezembro de 2004 e há algum tempo foi anunciado que ele seria finalizado neste mês, com um total de 14 volumes encadernados. A série ganhou uma adaptação em anime, com duas temporadas, e live-actions também.

Ichinomiya Kou é um rapaz que segue sua vida com a regra de nunca estar em débito com alguém, até que ele, certa vez, é salvo pela Nino, uma garota que não possui lar e vive à beira do Rio Arakawa. Para pagar essa dívida que passou a ter com a moça, ele deve se tornar seu namorado. E assim começam os dias divertidos e incomuns desse improvável casal.

Fonte: http://chuvadenanquim.com.br/2015/07/19/panini-lancara-o-manga-de-arakawa-under-the-bridge/

Pandora Hearts

Há muito tempo as pessoas pediam, e enfim a Panini atendeu. O mangá de peso Pandora Hearts acaba de ser anunciado pela editora.  Pandora Hearts é um mangá de mistério sobrenatural criado por Jun Mochizuki e lançado em junho de 2006, pela revista GFantasy (a mesma de Kuroshitsuji, Durarara!!, Horimiya, etc.). Foi finalizado em março desse ano e tem um total de 22 volumes encadernados. Entre 2009 e 2010 ganhou uma animação com 25 episódios e um OVA – Pandora Hearts Omake – com 9 episódios, ambos produzidos pelo estúdio Xebec.

Pandora Hearts é bastante similar a outro mangá, também lançado pela Panini: Kuroshitsuji. Coincidência ou não, um provável hiato está se aproximando para este, já que estamos alcançando as publicações do Japão (17 volumes aqui no Brasil e 21 por lá), e pode ser que Pandora Hearts pegue uma carona a partir desse caminho. Como comentado acima, há um bom tempo atrás, era um dos títulos mais pedidos, mas muita gente acabou desistindo de tê-lo por aqui. Mas agora, enfim ele chegou. Só uma coisa é certa: Chegou tarde demais, assim como Soul Eater, até porque o boom da série foi alguns anos atrás por causa do anime. 

Fonte: http://chuvadenanquim.com.br/2015/07/19/manga-de-pandora-hearts-sera-lancado-pela-panini/

Rust Blaster

Falando em Kuroshitsuji, a Panini aproveitou para anunciar o mangá Rust Blaster, da mesma autora de Kuro, Yana Toboso. Rust Blaster (ou Rustblaster) é uma série em apenas seis capítulos (copilados em um único volume), que foi publicada entre 2005 e 2006 pela Square Enix na revista GFantasy.

A história se passa em um mundo onde humanos e vampiros coexistem “pacificamente” e o responsável por manter essa balança entre esses dois mundos distintos é a Millenium Academy, uma escola na qual as duas espécies frequentam, entre elas, os protagonistas Aldred – um vampiro – e Kei – um humano. Apesar das diferenças entre os rapazes, os dois possuem uma ligação na qual esse mundo depende.

Fonte: http://chuvadenanquim.com.br/2015/07/19/manga-rust-blaster-e-anunciado-pela-panini/

Akame ga Kill

E um dos maiores sucessos da internet enfim virá para o Brasil pela Panini.
Muita ação, sangue e… mortes imprevisíveis nesse mangá, escrito por Takahiro e ilustrado por Tetsuya Tashiro; ele é publicado na revista Gangan Joker (da Square Enix) desde 2010 e continua na ativa, com 12 volumes encadernados. Além disso, os dois também trabalharam no guide book da série, que foi lançado em 2014. Takahiro também escreve o prequel Akame ga Kill! Zero, este ilustrado por Kei Toru e publicado desde 2013, com 2 volumes em andamento. No ano passado, a série ganhou um anime produzido pelo estúdio White Fox e foi ao ar entre julho e dezembro, com 24 episódios. Fizemos uma análise do anime.

Em um mundo de fantasia, a Capital de determinado Império está em estado crítico. Com a morte do Imperador, seu filho teve de assumir o posto. Acontece que ele é uma criança, e o Ministro Onest então o manipula, fazendo com que ele transforme seu governo em uma ditadura. Com isso, o Império entra em uma miséria total, com prostituição, criminalidade e corrupção tanto na política quanto na polícia, e onde a liberdade de expressão é oprimida e aí de quem não seguir o que o governo dita. Todas essas desgraças ficam ocultas dos olhos do Imperador, que achando que está fazendo o melhor para o país, acaba por mergulha-lo ainda mais no caos. Determinado a salvar sua aldeia da fome, um jovem chamado Tatsumi, junto de dois amigos, partem para Capital para arranjarem um emprego no Exército, e usar o dinheiro ganho para pagar as dívidas de seu povo. Após a morte de seus dois colegas e outros acontecimentos terríveis, Tatsumi se junta ao lendário grupo de assassinos Night Raid, que tem como missão matar políticos e outras pessoas corruptas do Império, e ajudar a insurgência a libertar o país do regime cruel, numa verdadeira guerra sanguinolenta.  É desse lendário grupo que faz parte uma assassina lendária assassina de olhos vermelhos, Akame. Que comece a guerra, ou melhor, a matança!

Fonte: http://chuvadenanquim.com.br/2015/07/19/manga-de-akame-ga-kill-e-anunciado-pela-panini/#comment-82943
Postar um comentário